O Futebol está de regresso a Sarilhos Grandes “ Após um interregno de cinco anos o Juventude Sarilhense volta a ter futebol sénior”

02/11/2014

0 comentários
  O Futebol está de regresso a Sarilhos Grandes
“ Após um interregno de cinco anos o Juventude Sarilhense volta a ter futebol sénior”

O Juventude Futebol Clube Sarilhense, fundado em 1953, popular clube desportivo da freguesia de Sarilhos Grandes, concelho do Montijo, está de regresso ao futebol após um interregno de cinco épocas. O Juventude Sarilhense irá participar no Campeonato Fundação Inatel, que tem início já este domingo, dia 02 de Novembro, com a equipa de Sarilhos Grandes a receber no renovado Campo das Oliveiras, às 15h00, o SC Samouco. Este regresso ao futebol sénior foi uma aposta da nova direcção do clube formada por 12 elementos e composta por gente jovem, que em pouco mais de um mês após a tomada de posse arregaçou as mangas e com a colaboração de outros jovens da freguesia, transformou o não à muito utilizado Campo das Oliveiras, num recinto desportivo com todas as condições para receber jogos de futebol.

Presidente/Jogador

Mauro Mendonça, é o presidente do Juventude Futebol Clube Sarilhense, função que acumula com a de guarda-redes do plantel. Em declarações ao DIÁRIO DA REGIÃO, o jovem presidente deu-nos conta do trabalho efectuado pela sua direcção para que o futebol regressasse a Sarilhos Grandes “ O trabalho que fizemos em pouco mais de um mês desde que esta direcção foi eleita está à vista de todos. O nosso campo de futebol encontrava-se degradado, vetado ao abandono e impraticável para a prática desportiva. Com trabalho, esforço e dedicação de todos nós, com a ajuda de outros jovens da terra metemos mãos à obra e efectuámos os trabalhos necessários para que o Campo das Oliveiras voltasse a ser um recinto desportivo adequado para que ali se praticasse futebol, tais como: capinagem do recinto de jogo, pintura dos muros exteriores, arranjo da bancada, pintura da fachada da entrada do campo, obras nos balneários e também arranjos na moradia dos guardas do campo. Apenas nos falta ter todos os oito postes da iluminação artificial a funcionar diz orgulhoso com os resultados. Mauro Mendonça, referindo-se à situação actual do Juventude Sarilhense, diz que “ A nível financeiro o clube não deve nada a ninguém e temos saldo positivo resultante do arrendamento do café da nossa sede social e da quotização dos cerca de 180 sócios pagantes que temos na actualidade. Uma das metas que nos propomos é recuperar os sócios que se afastaram do clube por o mesmo não ter actividades. O Juventude chegou a ter mais de 500 sócios quando disputava os campeonatos distritais e desempenha um importante papel social na freguesia” refere

Equipa Técnica/Plantel

Paulo Pinho (treinador principal), e José Carlos (adjunto), constituem a equipa técnica do Juventude Futebol Clube Sarilhense. Ambos estão perfeitamente identificados com o clube, pois são duas pessoas da freguesia e que passaram pelo mesmo enquanto jogadores. Paulo Pinho, uma estreia como treinador disse-nos acerca dos objectivos desportivos para a época que se vai iniciar “ Os objectivos do Juventude Sarilhense neste ano de regresso ao futebol passam pela competição em si mesma. Quanto a resultados vamos pensando jogo a jogo procurando fazer o melhor possível e conquistar vitórias. Vamos procurar praticar um futebol alegre e fluído, trabalhando com competência para que consigamos vencer muitas vezes “ diz. Quanto ao plantel ao seu dispor “ Para já contamos com 20 jogadores inscritos, faltando-nos ainda um defesa, um médio e um avançado para que o mesmo fique completo. A maior parte do nosso plantel, cerca de 60%, é constituída por jogadores oriundos da terra e que já representaram o Juventude. Os nomes mais sonantes do nosso plantel são o Tiago Fernandes, filho da “velha” glória do Sporting Clube de Portugal, Manuel Fernandes, ex. Alcochetense e actual treinador dos Iniciados B do clube leonino, Gonçalo Costa (ex.Alcochetense) e Valter Paulista (ex.Alcochetense) ” diz Paulo Pinho.


João Fernandes


Futebol – O regresso do CRI ao futebol sénior passado mais de uma década “ Clube de Alhos Vedros vai participar no Campeonato Fundação Inatel 2014/2015”

31/10/2014

0 comentários
Futebol – O regresso do CRI ao futebol sénior passado mais de uma década
“ Clube de Alhos Vedros vai participar no Campeonato Fundação Inatel 2014/2015”

O futebol sénior está de regresso a Alhos Vedros, concelho da Moita. Passada que foi mais de uma década desde a última participação nos campeonatos distritais, o Clube Recreio Instrução (CRI) volta a ter uma equipa a competir no escalão de seniores, a qual irá participar no Campeonato Fundação Inatel Setúbal 2014/2015. Do grupo responsável pela equipa fazem parte: Carlos Lança, Augusto Manhita (treinadores e organização), João Torres (treinador adjunto/organização), Bruno Lança e Joaquim Pinto (treinadores adjuntos e logística). O plantel tem 21 jogadores inscritos, na sua grande maioria oriundos da formação do CRI, com uma média de 20/22 anos de idade. Em declarações ao nosso Jornal, Carlos Lança e Augusto Manhita, apontam como objectivos a nível desportivo “ Discutir o resultado em todos os jogos disputados, numa equipa muito jovem mas com uma grande margem de progressão” dizem. Para além da vertente desportiva este regresso do CRI ao futebol sénior irá ter repercussões também a nível social “ Irá permitir aos jovens do concelho a prática de uma actividade desportiva do seu agrado e que contribuíra para uma melhoria da qualidade de vida dos praticantes na passagem da adolescência para a vida adulta” referem. A nível institucional “ Colocar o CRI cada vez mais como uma grande referência da prática desportiva na formação de crianças e jovens, e de actividades amadoras no nosso concelho” são os objectivos. Na 1ª fase do Campeonato Fundação do Inatel 2014/2015, que tem início já este fim-de-semana, o CRI que íntegra o grupo C, juntamente com as equipas do Sport Clube Sado, Passil, Valdera e Botafogo B, folgará na 1ª jornada.

Plantel do CRI 2014/2015

Jogadores - Emanuel Carlos, Nuno Almeida, Pedro Carmo, Alficeno Barbosa, André Cardoso,  André Batista, André Viegas Carvalho, Carlos Lança,  Eduardo Acuco, Fábio Batista, Luís Felício, Luís Barbosa,  Sandro António, Bruno Emerenciano, Nelson Cardoso, Rafael Sardo, Ruben Bento, André Silva, Miguel Marques, Tiago Cunha e Zeta Ufala.


João Fernandes

Futebol Distrital – Concelho da Moita com jornada de emoções fortes “ U.Banheirense defronta Barreirense e Moitense recebe a AD Quinta do Conde”

0 comentários
Futebol Distrital – Concelho da Moita com jornada de emoções fortes
“ U.Banheirense defronta Barreirense e Moitense recebe a AD Quinta do Conde”

No próximo domingo, dia 02 de Novembro, as emoções do futebol distrital vão estar ao rubro no concelho da Moita. No campeonato da 1ª divisão distrital o Campo Municipal do Vale da Amoreira, vai ser palco da partida entre a UDC Banheirense e o FC Barreirense. Um jogo entre equipas de concelhos vizinhos que nunca se defrontaram em competições oficiais no escalão de seniores. As duas equipas partem para esta 3ª jornada em igualdade pontual, ambas têm três pontos resultantes de uma vitória e uma derrota nas duas jornadas já realizadas. A equipa da Vila da Baixa da Banheira, estreou-se no campeonato com uma derrota pela margem mínima (1-2) no terreno de um sério candidato ao título o U.Santiago, ao passo que a equipa do Barreiro entrou com o pé direito ao vencer em Almada, o Beira Mar por uma bola a zero. Na 2ª jornada inverteram-se os papéis, o U. Banheirense recebeu e venceu o GD Alfarim (3-2) e o Barreirense foi surpreendido em casa pelo U.Santiago (2-3). Uma partida que está a despertar grande entusiasmo entre os adeptos e simpatizantes dos dois clubes, prevendo-se que o Municipal do Vale da Amoreira registe uma boa moldura humana para presenciar este encontro. Na 2ª distrital o Campo do Juncal na Moita, vai receber o jogo que colocará frente a frente as equipas do Moitense e da AD Qª do Conde. A equipa de Nuno Paulino está a ter um excelente início de campeonato com uma vitória e um empate nas duas jornadas já realizadas, e está na liderança a par do Paio Pires. Por sua vez a AD Quinta do Conde não entrou da melhor forma na competição ao averbar uma derrota caseira na jornada inaugural frente ao Paio Pires. A equipa orientada por Manuel Pinéu, que parte para esta edição do campeonato da 2ª distrital 2014/2015, com aspirações a lutar pela subida, viria a redimir-se na pretérita jornada ao golear o Alcacerense no terreno deste. Um jogo que se prevê equilibrado entre duas equipas de valor semelhante e onde o factor casa e o piso pelado do Juncal, poderão jogar a favor do Moitense.



João Fernandes

Hóquei Patins – Campeonato Nacional da 2ª Divisão – Zona Sul “HCP Grândola vence UDC Nafarros e isola-se no comando da classificação”

0 comentários
Hóquei Patins – Campeonato Nacional da 2ª Divisão – Zona Sul
“HCP Grândola vence UDC Nafarros e isola-se no comando da classificação”

O Hóquei Clube Patinagem de Grândola é guia isolado da zona sul do campeonato nacional da 2ª divisão. Em jogo a contar para a 5ª jornada a formação da “Vila Morena” recebeu e venceu sem apelo nem agravo (7-3), a equipa sensação desta prova, a UDC Nafarros, que ainda não tinha sofrido qualquer derrota. O júnior José Bernardo, esteve em plano de destaque na vitória da sua equipa ao apontar um hack-trick, sendo secundado por José Gonçalves e João Pereira, ambos com dois golos cada. Excelente resultado do HC Vasco da Gama em Sintra. A equipa de Sines contrariou o maior favoritismo do HC Sintra, e conseguiu um empate a seis bolas no recinto de uma equipa fortíssima a jogar no seu reduto. O GD Sesimbra foi infeliz na deslocação a Alenquer. A equipa sesimbrense rubricou uma excelente exibição frente ao S. Alenquer Benfica, tudo fazendo para conseguir um resultado positivo, o qual se esfumou a segundos do final da partida quando sofreu o golo que ditaria mais uma derrota (8-7). Os resultados completos desta 5ª jornada foram os seguintes: AE Física D 4 SL Benfica “B” 3; AD Oeiras 3 AJ Salesiana 4; A Alcobacense CD 2 Biblioteca IR 1; S. Alenquer Benfica 8 GD Sesimbra 7; HC Sintra 6 – HC Vasco da Gama 6 e Marítimo SC 3 SC Tomar 8. Na classificação o HCP Grândola é o 1º classificado com 15 pontos, o HC Vasco da Gama ocupa a 8ª posição (8 pontos) e o GD Sesimbra é o lanterna vermelha desta zona sul (1 ponto).

João Fernandes




Rugby – Campeonato Nacional da 1ª Divisão “ RV Moita vence Vitória de Setúbal (26-17) e soma a segunda vitória consecutiva”

0 comentários
Rugby – Campeonato Nacional da 1ª Divisão
“ RV Moita vence Vitória de Setúbal (26-17) e soma a segunda vitória consecutiva”

O Rugby Vila da Moita venceu o Vitória de Setúbal por 26 – 17, em jogo da 4ª jornada da fase regular do campeonato nacional da 1ª divisão rugby, realizado no Campo de Jogos do Gaio/Moita. Um jogo que era aguardado com grande expectativa dado tratar-se do primeiro derby regional que as duas equipas travavam no Campeonato Nacional da 1ª Divisão. A 1ª parte foi inteiramente dominada pela equipa da Moita, que entrou de rompante na partida imprimindo um ritmo alucinante ao jogo e chegando ao intervalo a vencer por uns concludentes 26 – 5. Ao intervalo o treinador do RV Moita, Fernando Silva, optou por dar descanso a alguns atletas e dar rotinas de jogo a outros jogadores menos utilizados, operando três substituições. A equipa sadina por seu lado corrigiu algumas posições, instalou-se no meio campo adversário e o resultado aos poucos foi-se nivelando acabando por se cifrar nos 26 – 17 finais. Uma vitória inteiramente justa da equipa do RV Moita, assente na magnífica primeira parte realizada. Com este triunfo, o segundo consecutivo, o RV Moita subiu uma posição na tabela classificativa ocupando o 5º lugar com 10 pontos. Lidera o RC Lousã com 19 pontos, seguido da ASporting Rugby (18) e do CR Évora (13), respectivamente 2º e 3º classificado. O Vitória Setúbal é o 8º classificado com 4 pontos. Os resultados completos desta 4ª jornada foram os seguintes: ASporting Rugby 40 CR São Miguel 23; SL Benfica 31 RC Santarém 21; RC Loulé 15 CR Évora 74; RV Moita 26 Vitória Setúbal 17 e RC Lousã 37 RC Caldas RC 7. Os jogos da 5ª jornada marcados para sábado, dia 01 de Novembro, são os seguintes: CR São Miguel – RV Moita, Caldas RC – RC Loulé, RC Lousã – SL Benfica e CR Évora – ASporting. O jogo Vitória Setúbal – RC Santarém joga-se no dia 22/11.

João Fernandes


Atletismo – 11.ª Légua de Marcha Atlética de Santo António dos Cavaleiros “ GDP Chão Duro conseguiu um excelente 2º lugar colectivo entre 27 equipas”

0 comentários
Atletismo – 11.ª Légua de Marcha Atlética de Santo António dos Cavaleiros
“ GDP Chão Duro conseguiu um excelente 2º lugar colectivo entre 27 equipas”

A Escola de Atletismo do Grupo Popular do Chão Duro, concelho da Moita, esteve presente na 11.ª Légua de Marcha Atlética de Santo António dos Cavaleiros, que se realizou no Parque da Cidade em Loures, tendo conseguido um excelente lugar colectivo com 91 pontos, a apenas 3 pontos da equipa 1ª classificada Centro de Atletismo das Galinheiras (94 pontos). Esta prova teve a participação de 27 equipas. Entre os atletas do GDP Chão Duro, destaque para o 2º lugar de Gonçalo Pinto nos benjamins masculinos, para o 3º lugar de Jessica Fernandes no escalão de juniores e para o 2º lugar de Inês Sousa Almeida (juvenis), que com a marca de 16,39 obtida nos 3000mt, conseguiu os mínimos para os Campeonatos de Pista Coberta. O escalão de juvenis teve domínio quase absoluto dos atletas do distrito de Setúbal, que ocuparam cinco dos seis lugares do pódio nas duas provas de 3 km.


JF

Futebol – Taça dos Campeões da Fundação Inatel – Foz do Arelho “ Azul e Ouro da Baixa da Banheira será o representante do distrito de Setúbal”

23/10/2014

0 comentários
Futebol – Taça dos Campeões da Fundação Inatel – Foz do Arelho
“ Azul e Ouro da Baixa da Banheira será o representante do distrito de Setúbal”

O Grupo de Futebol Azul e Ouro, da Baixa da Banheira, finalista vencido da Taça Fundação Inatel Setúbal 2013/2014, vai marcar presença na primeira edição da Taça dos Campeões da Fundação Inatel, competição que se destina às equipas vencedoras dos campeonatos distritais da época passada, que se irá realizar no próximo fim-de-semana, 25 e 26 de Outubro, na Foz do Arelho. A participação da equipa da Baixa da Banheira, deve-se ao facto do Vale Milhaços, actual campeão distrital em título, não ter reunido as condições necessárias para participar nesta competição, a qual marcará o início da época oficial das competições do Inatel 2014/2015, e onde estarão presentes as melhores equipas do país. Um marco importante no historial do GF Azul e Ouro, esta presença na primeira edição desta Taça dos Campeões do Inatel, acrescido da responsabilidade de ser a equipa representante do distrito de Setúbal, do concelho da Moita e da Vila da Baixa da Banheira. As equipas participantes são as seguintes: CCD Pigueirense (Aveiro), CCD Clube Portugal (Lisboa), CCD ACDR Paço dos Negros (Santarém) e GF Azul e Ouro (Setúbal).


João Fernandes

Basquetebol – No Pavilhão Desportivo da Moita “ Clube Recreativo do Palheirão iniciou os treinos para a época 2014/2015”

0 comentários
Basquetebol – No Pavilhão Desportivo da Moita
“ Clube Recreativo do Palheirão iniciou os treinos para a época 2014/2015”

O Clube Recreativo do Palheirão, única equipa do concelho da Moita onde se pratica a modalidade de basquetebol, deu início aos treinos para a época desportiva 2014/2015. O clube da Vila da Moita volta a apostar na formação, e abre as suas portas a jovens masculinos/femininos, dos 5 aos 12 anos de idade, que queiram praticar basquetebol. Os treinos decorrem no pavilhão desportivo da Moita, às terças-feiras, das 19 às 20h00, quintas-feiras, das 19 às 21h00, e sábados, das 09 às 11h30. Os interessados que se queiram inscrever devem comparecer nos dias dos treinos no pavilhão desportivo. As equipas de formação do CR Palheirão irão já a partir do próximo mês de Novembro, competir em jogos organizados pela Associação Basquetebol de Setúbal.

JF


Futebol – André Dias um dos reforços da equipa do Amora “ Polivalente jogador regressa ao futebol distrital passados três anos”

0 comentários
Futebol – André Dias um dos reforços da equipa do Amora
“ Polivalente jogador regressa ao futebol distrital passados três anos”

André Filipe Pereira Dias, 27 anos, 76 kg, 1,82 cm, ingressou já com a pré-época em andamento no Amora Futebol Clube, equipa que disputa o campeonato da 1ª divisão distrital da AF Setúbal. O médio defensivo começou a sua carreira de jogador no Moitense (3 épocas), representou de seguida o Barreirense (7 épocas) onde foi chamado a representar as selecções de Setúbal em todas as categorias, o 1º Maio Sarilhense (3 épocas) e o Eléctrico Ponte Sôr, onde esteve 3 épocas, duas no nacional da 3ª divisão e no último ano na distrital onde foi campeão e venceu a Taça AF Portalegre. Fomos ao encontro de André Dias, que nos concedeu uma pequena entrevista onde nos dá conta do seu regresso ao futebol do nosso distrito:

André como surgiu o interesse do Amora na tua contratação?
O interesse do Amora surgiu através de um colega (Balela), que joga no clube à alguns anos e me convidou para ir lá treinar e poder dar o contributo à equipa com o aval do treinador e da direcção claro. Eu era um jogador livre e havia mais clubes interessados no meu concurso mas esperei até à última para ver se aparecia um clube que se enquadrasse no meu perfil e que me apresentasse as melhores condições de trabalho. Aceitei o Amora porque é um clube com imensa história, um clube que muita gente gostaria de representar, um clube que trabalha sério e que está a voltar a crescer.

Como foste recebido no Amora?
Fui muito bem recebido pelas pessoas ligadas ao clube, e ainda no curto tempo que lá estou já me sinto parte da família. São pessoas humildes, trabalhadoras, que fazem tudo para levantar o Amora e devolver o clube aos campeonatos nacionais. Até agora tem sido uma agradável surpresa os primeiros tempos no Amora. Estou feliz com o meu regresso aos distritais de Setúbal.
Quais os teus objectivos para esta época?
O meu objectivo passa por ser os objectivos do Amora para esta época. Sempre tive esse pensamento dentro de mim nos clubes que representei até hoje, ou seja, primeiro ajudar o grupo nos seus objectivos, que passa por pensar jogo a jogo, e depois no final fazer as contas. Sou um jogador de equipa e que procura sempre os êxitos, porque os êxitos do grupo são os meus também. Espero ajudar o clube ao máximo dando o melhor de mim, mas confesso que tenho um desejo enorme de no final da época estar com este grupo e estes adeptos que são muito chegados ao clube e que vivem o mesmo com paixão. Espero estar com eles todos no final da época a fazer a festa, pois o clube e todos os amorenses merecem ver este Amora noutros palcos.



Como te defines enquanto jogador?

Penso que sou um jogador útil para qualquer equipa, sou um jogador polivalente e a posição onde me sinto mais confortável a jogar é a de médio centro. Tenho um bom posicionamento no terreno, preencho bem os espaços. Sou um jogador mais de raça, gosto de jogar fácil com os dois pés e simplificar os processos da equipa.

Que recordações guardas da tua passagem pelo Eléctrico Ponte Sôr?
A minha passagem pelo Eléctrico foi muito feliz dentro dos objectivos que tinha traçado. Foi uma aventura para mim, onde fui bem tratado e fiz amigos para o resto da vida. Um clube com excelentes condições, bons grupos de trabalho e onde a adaptação foi fácil pois receberam-me de braços abertos e saio de lá com a consciência tranquila que dei tudo pelo clube e devolvi em conjunto com os meus colegas, o clube aos campeonatos nacionais a que estava habituado. Uma excelente aventura por terras alentejanas.

O que esperas da estreia no campeonato distrital frente ao Charneca da Caparica?

Espero que entremos com o pé direito e com uma vitória claro. O Amora devido às boas últimas épocas é sempre um alvo a abater, pelo que penso que será um jogo complicado por ser o primeiro e onde há sempre um pouco mais de ansiedade, mas a equipa está pronta e confiante para o arranque do campeonato. Tenho a certeza que o Amora a jogar em casa vai dar uma excelente imagem à semelhança do que tem feito, e que a vitória nos sorria no final do jogo.


João Fernandes







Futsal – Campeonato Nacional da 2.ª Divisão – Série F “ Bairro Laranjal faz história ao vencer Os Indefectíveis por 6 - 3”

0 comentários
Futsal – Campeonato Nacional da 2.ª Divisão – Série F
“ Bairro Laranjal faz história ao vencer Os Indefectíveis por 6 - 3”
Em Alcácer do Sal, o Grupo Desportivo Recreativo Bairro Laranjal fez história ao vencer Os Indefectíveis de Alhos Vedros por 6 – 3, em partida a contar para a 3ª jornada da série F, do campeonato nacional da 2ª divisão de futsal, naquela que foi a sua primeira vitória em ano de estreia nos nacionais da modalidade. Foi um ambiente extraordinário aquele que se viveu no pavilhão municipal de Alcácer do Sal, lotado de um público entusiasta para presenciar este derby regional. No 1º tempo a equipa dos Indefectíveis entrou a dominar a partida mas aos poucos o Bairro Laranjal foi equilibrando e revelando-se mais eficaz que o seu adversário no capítulo da finalização, chegou ao intervalo a vencer por 2 – 0, golos que surgiram através da conversão de um livre de 10 metros e de um auto-golo. Na 2ª parte reacção da equipa do concelho da Moita, que entra muito forte operando a reviravolta no marcador (3-2). Os alcacerenses não baixaram os braços e empolgados pelo apoio vindo da bancada chegam primeiro à igualdade (3-3), para nos últimos 7 minutos marcarem mais 3 golos e vencerem no final por 6 – 3. Marcaram pelo Bairro Laranjal, João Lince (2), Fábio Pratas (2), Wilson e 1 auto-golo, e por banda dos Indefectíveis, Bruno Espalha (1), André Batista (1) e 1 auto-golo. Em declarações ao nosso jornal, João Reis, treinador da equipa vencedora disse que “ Foi um grande jogo de futsal em que nós fomos uns justos vencedores. Foi a vitória da raça, da humildade dos meus jogadores, e do grande público de Alcácer do Sal” mostrando-se radiante com este primeiro triunfo no campeonato mas consciente das dificuldades Esta vitória foi importante mas não altera nada, pois sabemos que será muito difícil a manutenção” conclui. Os resultados completos desta 3ª jornada da série F, do nacional da 2.ª divisão foram os seguintes: U. Montemor 1 – Rabo Peixe 3; Fabril Barreiro 7 Fonsecas e Calçada 7; Quinta dos Lombos 8 Albufeira Futsal 6; Bairro Laranjal 6 Os Indefectíveis 3 e Sonâmbulos 5 Operário Lagoa 5.

João Fernandes



Mensagens populares

Seguidores